Início Quem somos

Quem somos


FRATERNIDADE NOSSA SENHORA DA EVANGELIZAÇÃO

1. Sociedade de Vida Apostólica

A Fraternidade Nossa Senhora da Evangelização é uma Sociedade de Vida Apostólica, inserida no contexto das Novas Comunidades que surgiram, sobreturdo, à partir dos anos 80. Seus membros fazem profissão de votos de pobreza, obediência e castidade. A Fraternidade possui dois modelos de consagração: de Vida, caracterizada pela vida celibatária e disponibilidade integral à atividade missionária, e de Aliança, formada por leigos, solteiros e casados, que atuam na igreja e na vida secular. Ambos procuram, em seus estados de vida, assumir o Carisma da Fraternidade: “Ser sinal visível e permanente da presença viva, amorosa e misericordiosa de Jesus, hoje no mundo”.

1.1 Comunidade de Vida

Os consagrados de vida são homens e mulheres, de diferentes idades e procedências, que vivem no Seminário Lareira da Mãe e na Casa Nossa Senhora da Evangelização, cujo trabalho apostólico diário envolve levar ao ar a Rádio Fraternidade e colaborar nos serviços da Paróquia São Martinho, além de ajudar na organização dos Retiros que ocorrem quase mensalmente. Além da atuação missionária, os consagrados tem vida fraterna em comum, buscando o crescimento espiritual.

Os membros da Sociedade de Vida Apostólica, de acordo com o carisma pessoal de cada um, prestam um serviço específico dentro da Fraternidade. Além da oração, as atividades que cada um se dedica são variadas. Eventualmente, estão envolvidos em tarefas apostólicas como pregação ou catequese; trabalho na organização e recepção de eventos da comunidade; contribuição na transmissão televisiva de missas; ministério de música e coral; liturgia; missão nas rádios de Ijuí e Taquari; atendimento na secretaria paroquial; serviços de cozinha e limpeza. Todos, enfim, trabalham em tempo integral na evangelização, consagrando seu dia-a-dia ao serviço apostólico e à adoração eucarística.

A formação missionária do grupo é desenvolvida através da vivência comunitária fraterna e da experiência litúrgica. Alguns dentre eles, de acordo com a aptidão pessoal e a necessidade da comunidade, estudam uma língua estrangeira, ou, ocasionalmente, fazem cursos de especialização, como teologia ou comunicação. A formação espiritual é dirigida pelo Fundador e Diretor Espiritual, Padre Ladislau Molnár. Essa espiritualidade é alimentada através da participação em duas missas diárias, uma pela manhã, às 6h25h e uma à noite, às 19:45h. A rotina começa às 6h com o acompanhamento da oração do terço mariano transmitido pela Rádio Fraternidade. A comunidade também se dedica à adoração eucarística permanente, no mínimo uma hora por dia. O grupo também participa de oração comunitária com os consagrados de aliança todas as quintas-feiras. Periodicamente, os consagrados também participam de retiros espirituais de aprofundamento conduzidos pelo Fundador.

1.2 Comunidade de Aliança

Muitos leigos participam de forma ativa da Fraternidade. Esses casais e solteiros são missionários que
presidem Grupos de Oração, trabalham diariamente na programação da Rádio, desenvolvem diversas atividades na Paróquia São Martinho, apoiam a equipe missionária e demais atividades comunitárias. Todo o trabalho é alimentado pela oração e adoração eucarística, conforme a disponibilidade de cada membro. A Comunidade de Aliança se reúne semanalmente às quintas-feiras para rezar junto, participar de formação catequética e definir planos de atuação apostólica.

2. Como começou

A Fraternidade tem suas raízes na Hungria. Daquele país do Leste Europeu, emigrou Padre Ladislau Molnár, vindo a assumir a Paróquia São Martinho, em Porto Alegre (RS) e fundar a Fraternidade Nossa Senhora da Evangelização. Além dele, também moram na comunidade duas missionárias húngaras. A figura do Fundador é um ponto de referência forte para todos, pois ele é dono de uma personalidade carismática e de uma vida espiritual e apostólica autêntica, que dinamiza e estimula toda a ação da comunidade. Embora tenha 81 anos, possui uma vitalidade impressionante, sendo capaz de realizar e dar continuidade às obras do apostolado não apenas no âmbito espiritual, como também material. Frequentemente, ele mesmo “coloca a mão na massa” para ajudar a construir os prédios ou reformar as estruturas necessárias. Seu zelo pastoral é incansável: dificilmente alguém que o procura fica privado de confissão ou direção espiritual. Esses atendimentos são proporcionados diariamente na comunidade.

Padre Ladislau viveu um período de intensa perseguição ateísta na Hungria durante os anos da Guerra Fria, sendo obrigado a fugir para não ser novamente preso e torturado. Foi acolhido nos anos 60 pelo Vaticano, onde desenvolveu atividade pastoral junto aos imigrantes húngaros. Chegou ao Brasil em 1967, a convite da Ordem Beneditina, situada em São Paulo. Ao visitar um amigo em Porto Alegre, Dom Vicente Scherer, Arcebispo de Porto Alegre na época, o convidou a assumir uma capela na zona sul. A ca¬pela virou a Paróquia São Martinho, tornando-se no dia 11 de novembro de 1968 o primeiro vigário. Em seguida, iniciou os traba¬lhos de construção da igreja.

Padre Ladislau foi o precursor da Renovação Carismática Católica no Rio Grande do Sul, sendo o responsável por conseguir sua aprovação em nível diocesano nos anos 70. Dirigiu o Movimento no estado em seus primórdios e foi responsável pela criação e direção da primeira Sede em Porto alegre. Neste local, a Renovação Carismática pregou os primeiros Retiros. Em 1990, Padre Ladislau Molnár criou, junto com Reinaldo Ignácio Adams, a Fraternidade Nossa Senhora da Evangelização. Naquele ano, 12 pessoas professaram os votos para a Comunidade de Aliança. Atualmente, cerca de 300 pessoas são consagradas na Fraternidade. Em 2008, foi criado o Seminário Lareira da Mãe, que fica na mesma rua da Paróquia São Martinho e da Casa Nossa Senhora da Evangelização. No ano de 2012, foram ordenados diáconos os dois primeiros seminaristas da comunidade.

Rádio Fraternidade
Campanha Maio

5%
Infelizmente não
fechamos a Campanha de
Abril. Reze por nós!
Conto com sua 
ajuda para finalizar o
Tabernáculo de Deus. 
Pe.Ladislau Molnár. 

Pesquisa no Site
Mensagens da Bíblia
Coisas que olhos não viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais passou pelo pensamento do homem, tais são os bens que Deus reservou para os que o amam. (I Coríntios 2, 9)
Eventos